31/03/2013

Guadiana - Alerta para queda de homem na Ponte Internacional

Um alerta para a queda de um homem na ponte internacional do Guadiana, em Vila Real de Santo António, mobilizou, ontem ao início da noite, equipas da Polícia Marítima, GNR e bombeiros para tentar localizar a vítima sem resultados.

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/nacional/portugal/guadiana-alerta-para-queda


FIRESHELTER52

30/03/2013

Chuva volta amanhã

O domingo de Páscoa vai ser chuvoso, ao contrário do dia de hoje, que apesar de nublado, na maior parte do País não tem sido tão molhado como nos dias anteriores.

“Períodos de chuva na região Sul, estendendo-se às restantes regiões até ao final da manhã e sendo por vezes forte e persistente.

Queda de neve nos pontos mais altos da Serra da Estrela”,

Segundo a previsão para amanhã no site do Instituto do Mar e Atmosfera. O vento será fraco a moderado, no Sul e mais forte no Litoral.

Para Tavira fica aqui o quadro de previsão do WindGURU

Clique na imagem para aumentar...



FIRESHELTER52

Este Domingo... muda a hora!

Este domingo muda a hora!

No dia 31 de março de 2013, à 01h00, deves adiantar o relógio 60 minutos para proceder à mudança de horário para o horário de verão. Na prática, esta alteração no horário faz com que percas uma hora no último fim de semana de março.

A mudança de horário em Portugal Continental, na Madeira e Açores ocorre duas vezes ao ano.

No último domingo do mês de março adiantam-se os relógios 60 minutos para entrar no horário de verão, e no último domingo do mês de outubro atrasam-se os relógios 60 minutos para entrar no horário de inverno.

FIRESHELTER52

29/03/2013

Bombeiros Municipais respondem a acidente com mariscador frente ao Lacem

Os Bombeiros Municipais de Tavira apoiados pela Ambulância Inem SIV sediada em Tavira o Helicóptero sediado na BHSP de Loulé e a Policia Marítima responderam durante a manhã de hoje a um acidente com um mariscador na ilha das Cabanas frente à zona do lacem.

Os contornos do acidente estão a ser investigados embora se descreva que a ocorrência se passou enquanto dois amigos se encontravam ao marisco na orla costeira, quando um deles se apercebeu reparou no amigo inanimado no mar.

O homem foi resgatado do mar pelo seu próprio amigo que ligou 112.

O helicóptero da ANPC sediado na BHSP de Loulé retirou a vítima da ilha e colocou-a onde se encontravam as equipas de socorro, a vítima acabou por falecer.





FIRESHELTER52

Equipa Desencarceramento CBM Tavira

Os treinos continuam...

Após uma exelente prestação Nacional no Rescue Challenge em 2011 onde alcançaram um honroso 2º lugar e uma participação Internacional num concurso de Salvamento e Desencarceramento, a equipa para a competição prepara-se agora para o I Campeonato Regional de Salvamento & Desencarceramento que se vai realizar em Tavira no dia 6 de Abril.

As provas decorrerão no anfiteatro do Parque de Feiras e Exposições em Tavira, venha assistir...






FIRESHELTER52

27/03/2013

Sessão de esclarecimento sobre arrendamento, promovida pela DECO em Tavira

No próximo dia 04 de abril, pelas 16h00, na Biblioteca Municipal Álvaro de Campos, terá lugar uma sessão de esclarecimento sobre arrendamento, promovida pela DECO – Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor.

Esta iniciativa surge no seguimento de um conjunto de ações designado Encontros Com Sumo sobre Arrendamento, que a associação está a desenvolver com o intuito de esclarecer os cidadãos relativamente à nova Lei do Arrendamento.

Ao longo desta sessão serão debatidos os seguintes tópicos:

>Novas regras do arrendamento urbano habitacional;
>O que fazer no período de transição dos contratos antigos;
>Utilidade do Balcão Nacional de Arrendamento;
>Despejos: o que muda?


A sessões de esclarecimento é gratuita e aberta a todos os interessados em conhecer a nova legislação.

FIRESHELTER52

Condutora inglesa morre após colisão na EN125

Um veículo entrou em despiste frente ao Centro Comercial Algarve Shopping, Albufeira, e colidiu com os outros dois, numa altura em que chovia intensamente. Além da vítima mortal, registaram-se dois feridos

Uma inglesa, de 63 anos e residente no Algarve, morreu em consequência de um aparatoso acidente de viação nesta quarta-feira, pouco antes das 09.00, na Estrada Nacional 125, zona da Guia, no concelho de Albufeira, envolvendo três viaturas.

A senhora, que conduzia um dos carros e viajava sozinha, acabou por não resistir aos ferimentos quando se encontrava a chegar numa ambulância ao Hospital de Faro.

O sinistro, ocorrido junto ao Centro Comercial Algarve Shopping, provocou ainda dois feridos em estado considerado ligeiro, os quais foram transportados para o Centro de Saúde de Albufeira.

Trata-se dos condutores dos outros veículos. São portugueses e têm 50 e 60 anos.

"Uma viatura entrou em despiste no sentido Guia/Albufeira, na Estrada Nacional 125, e foi embater noutro veículo que seguia no sentido Albufeira/Guia. Depois, acabou por colidir com uma terceira viatura que seguia em sentido contrário", contou ao DN fonte do Comando Territorial de Faro da Guarda Nacional Republicana (GNR), que recebeu o alerta pelas 08.55.

Um automobilista que passava no local descreveu ao DN o que presenciou:

"Chovia com intensidade, o piso estava muito escorregadio e vi um homem numa carrinha «Hyunday» H1 atravessada na estrada, com sangue a escorrer na cara e a falar ao telemóvel. Mais adiante, estavam dois carros completamente destruídos, um dos quais galgou o separador central, tendo capotado, e ainda deparei com cadeirinhas de bebés, espalhadas no pavimento, mas não vi qualquer criança".

http://www.dn.pt

FIRESHELTER52

Tanta chuva porquê?

Bruno Gonçalves, responsável pela Meteofontes, a Estação Meteorológica do Sítio das Fontes – Parque Municipal de Lagoa, explica, na página de Facebook, a razão de tanta chuva nestes dias.

«Vou tentar dar uma breve explicação para a causa de todos estes dias de chuva que têm ocorrido por cá. Como se pode ver pela imagem, temos a presença de um vasto sistema anticiclónico (associado a bom tempo e representado pela letra A) que se estende desde a zona da Escandinávia até Norte da Islândia e que funciona como um “bloqueio”, que faz com que as depressões (associadas ao mau tempo e representadas pela letra B) que normalmente circulam mais a Norte, sejam “empurradas” para Sul, formando como que um “corredor” de depressões, que vão afetando sucessivamente o nosso país e o resto da Europa».

Por outro lado, «e também pelas razões atrás referidas, o chamado “anticiclone dos Açores”, que costuma estar centrado no Açores e que nos “protege” do mau tempo, “empurrando” as depressões para Norte, está enfraquecido e muito mais a Sul».

«Desta forma, e enquanto se mantiver o tal “bloqueio anticiclónico” na zona da Escandinávia, haverá caminho livre para a continuação do tempo de chuva por cá».

Se alguém ficou com dúvidas, não hesite em perguntar, que o Meteofontes tentará esclarecê-las. Basta seguir a sua página de Facebook, ou encaminhar-nos as questões.

Entretanto, o Instituto Português do Mar e do Ambiente prevê, para hoje, céu geralmente muito nublado, com períodos de chuva ou aguaceiros, diminuindo de intensidade a partir do meio da tarde na região Sul.

Bruno Gonçalves, da Meteofontes, por seu lado, salienta que «quanto à previsão, no horizonte temporal mais fidedigno dos modelos, que é de 10 dias, todos colocam chuva durante esse período. Ou seja, mantém-se o tal “bloqueio” durante esse período. Julgo que não será possível saber ao certo quanto tempo o mesmo irá durar».

Mas quem está farto de chuva não perca a esperança: «É tudo uma questão de equilíbrio da atmosfera, que tenderá, naturalmente, a recolocar o anticiclone dos Açores no seu “habitat” natural e a “desbloquear” o anticiclone da Escandinávia. Agora quanto tempo isso irá demorar, será difícil saber ao certo», conclui Bruno Gonçalves.

FIRESHELTER52

25/03/2013

Formação de extintores a funcionários da Escola Don Manuel I em Tavira

Os Bombeiros Municipais de Tavira estiveram hoje em formação junto de 30 auxiliares de ação educativa e alguns professores da Escola Don Manuel I em Tavira.

A ação de formação teve como objetivo a aproximação dos auxiliares aos equipamentos de primeira intervenção utilizados em caso de incêndio disponíveis naquele estabelecimento de ensino.

Após uma introdução sobre fenomenologia da combustão e extintores os formandos participaram em exercícios práticos na utilização dos extintores de pó químico e água.

Nesta interação os formandos puderam desenvolver manobras de combate a incêndios com fogo real, utilizar Equipamentos de Proteção Individual idênticos aos usados pelos Bombeiros e verificar o tipo de resposta de cada agente extintor sobre a classe de fogo em curso.

A experiência foi engrandecedora para os formandos dado o grau de dificuldade e aproximação a um cenário real.

No final do dia a equipa de Bombeiros Municipais composta pelo Formador de Combate a Incêndios Urbanos João Horta e pelo Bombeiro Pedro Martins receberam um feedback muito positivo da parte dos formandos regressando ao quartel com a certeza que a Escola Don Manuel I em Tavira é hoje um lugar mais seguro e com uma melhor resposta ao socorro.

(Clicar sobre as fotos para aumentar)









FIRESHELTER52

Golfinho vivo dá à costa na Praia de Faro

Um golfinho riscado juvenil vivo deu hoje à costa na Praia de Faro e as autoridades estavam ao início da noite a tentar salvá-lo, disse à agência Lusa o biólogo Élio Vicente, do parque oceanográfico Zoomarine.

O animal, com cerca de 1,50 metros de comprimento, esteve, até à chegada da Polícia Marítima e da equipa de resgate do Zoomarine, a ser acompanhado por cidadãos, que o tentaram devolver à água, embora sem sucesso.

Segundo Élio Vicente, estes golfinhos são muito nervosos e tímidos, pelo que o stresse causado por esta situação pode mesmo chegar a matá-los.

Mesmo que o animal sobreviva, está longe da mãe e de um grupo, o que é fundamental para a sua sobrevivência, acrescentou.

Lusa / SOL

FIRESHELTER52

Os Bombeiros e as celebrações da Semana Santa






FIRESHELTER52

23/03/2013

Avião forçado a aterragem de emergência no Aeroporto Internacional de Faro

Um avião foi ontem, ao final da tarde, obrigado a aterrar de emergência no Aeroporto de Faro, depois de ter sido detetada uma falha técnica nos comandos da aeronave.

O voo, da companhia Ryanair, com 179 passageiros, tinha saído do Reino Unido rumo às Ilhas Canárias, em Espanha, quando foi detetada uma anomalia. A situação levou a uma aterragem de emergência.

Era perto das 18h00 quando foi acionado o alerta vermelho e mobilizados vários meios. No entanto, os pilotos conseguiram regularizar a situação ainda com a aeronave, um Boeing 737, no ar e aterraram sem problemas.

O avião ainda voltou a levantar voo mas novos problemas técnicos obrigaram a que regressasse ao Aeroporto de Faro. Até ao fecho da edição, os passageiros continuavam na gare à espera que a companhia irlandesa arranjasse uma alternativa, disse ao CM fonte da ANA – Aeroportos de Portugal.

Por:Tiago Griff in Correio da Manhã

FIRESHELTER52

22/03/2013

Incêndio Urbano em Tavira em 1881 antes da criação do Corpo de Bombeiros

A falta de um corpo organizado envolvendo meios humanos e materiais capazes de debelar ou circunscrever rapidamente um sinistro no espaço estrutural poderá colocar em causa o desenvolvimento de uma comunidade.

Este tipo de estrutura é imprescindível, independentemente dos custos sociais e financeiros que podem traduzir à entidade que o tutela.

Tavira, Cidade, viveu em tempo não muito longincos momentos de aflição que por mero fator meteorológico não destruía um dos maiores e mais importantes hospitais da época e um paiol de pólvora após os mesmos ficarem expostos a um violento incêndio urbano nas suas áreas limítrofes.

Escreve-se que:

Tavira adormecera naquela noite de 30 de Março de 1881, sob um violento temporal, com a chuva a cair copiosamente nos belos telhados de tesoura.

Era meia-noite e meia hora quando, então se fez ouvir um medonho trovão que fez tremer toda a cidade e acordar sobressaltada a população.

A princípio tudo parecia não passar de um susto coletivo, mas as consequências daquele fenómeno viria a trazer graves consequências para o património arquitetónico da terra.

Um relâmpago incendiou, de imediato, a Capela Mor da Igreja de São Francisco, a riquíssima Capela dos Terceiros.
As testemunhas oculares desta tragédia foram as sentinelas prostradas nos torreões do quartel militar que estavam próximos da igreja.

Uma das sentinelas diria, depois, que vira cair um raio no zimbório da igreja (cúpula), com tal susto que acabou por desmaiar. Outra sentinela que montava guarda ao paiol da pólvora do referido quartel, distante apenas por 50 metros do local do incêndio, vendo sair línguas de fogo pelas frestas do zimbório da igreja gritou às armas para chamar a atenção do oficial e do reforço de guardas do quartel.

Pouco tempo depois todos os sinos das torres das igrejas da cidade tocaram a rebate, fazendo saltar da cama a população.

Muita gente acorreu, então, a ajudar na luta contra o incêndio que devastava o belo templo, mas apesar de todos os esforços em poucos momentos tudo ficou reduzido a cinzas acabando apenas por se salvar a Capela da Senhora da Boa Morte e a denominada “Santuário”.

Felizmente o vento que inicialmente se fazia sentir acalmou repentinamente evitando que o incêndio se propagasse ao Hospital que ladeia a igreja ou mesmo ao paiol militar próximo do local do incêndio, acabando os populares e os militares por extinguir as chamas”...

Entre estas, outras histórias levaram a que as comunidades criassem corpos devidamente organizados e dotados de meios materiais e humanos para que face a ocorrências deste e de outro tipo pudessem ajudar as pessoas e salvaguardassem os seus bens...

Estes corpos de bombeiros custam muito dinheiro ao erário público, mas gastariam muito mais se os mesmos não tivessem sido outrora criados, instruídos e mantidos até aos dias de hoje.

FIRESHELTER52

Frio polar colocará termómetros nos -4º C entre sábado e terça

Uma massa de ar frio polar entre o próximo sábado e terça-feira vai afectar Portugal, com os termómetros a registarem os -4º C.

Em Lisboa são esperadas temperaturas de 1º C.

Segundo o site do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, os distritos de Bragança e Guarda serão os mais afectados, com as temperaturas a descerem até os -4º C.

Mas o frio vai afectar todo o país, já que as temperaturas mínimas vão assolar todas as cidades, com Faro (5), Lisboa (1) e Santarém (1) a serem as únicas a manter o termómetro no positivo.

Aveiro, Beja, Braga, Évora, Leiria, Porto e Viana do Castelo atingirão os 0 graus de mínima.

Já as temperaturas máximas vão variar entre os 5 graus positivos na Guarda e os 14 graus em Faro. Lisboa e Porto chegarão aos 12.

Em relação aos dias mais frios, teremos o seguinte calendário (os arquipélagos da Madeira e dos Açores não serão afectados por esta massa de ar frio.

http://diariodigital.sapo.pt

FIRESHELTER52

21/03/2013

125º Aniversário dos Bombeiros Municipais de Tavira

Decorreram hoje no quartel dos Bombeiros Municipais de Tavira as cerimónias da celebração do 125º Aniversário da Corporação de Bombeiros Municipais de Tavira.

Foram presididas pelo Presidente da Câmara Municipal de Tavira Dr. Jorge Botelho compondo a mesa de honra ainda o Presidente da Autoridade de Proteção Civil, Major General Manuel Couto, o Comandante Distrital de Operações de Socorro Comandante Vaz Pinto, Comandante dos Bombeiros Municipais de Tavira Miguel Silva e o representante da Liga dos Bombeiros Portugueses.

Estiveram ainda presentes nas cerimónias os comandantes das forças de segurança e Exercito do município tal como a vereação da Câmara municipal e respetivos presidentes de Freguesia.

As cerimónias tiveram inicio pelas 11 da manhã onde condignamente foram condecorados vários Bombeiros Municipais do quadro de comando e quadro ativo, cabendo o momento de glória à condecoração depositada no Estandarte da Corporação a Medalha de Mérito Proteção e Socorro Grau Ouro Distintivo Azul da Autoridade Nacional de Proteção Civil.

Esta condecoração foi atribuída pelo Ministro da Administração Interna Miguel Macedo a 22 de Fevereiro de 2013 consoante o despacho 3310/2013 motivado pelo “reconhecimento do exemplar percurso da existência do Corpo de Bombeiros Municipais de Tavira ao serviço da comunidade e da proteção e socorro de populações com uma atuação sempre caracterizada pelo heroísmo, pela abnegação e pela solidariedade”.

Seguiram-se as alocuções proferidas pelo Comandante do CBM Tavira Miguel Silva, pelo representante da Liga dos Bombeiros Portugueses e pelo Major General Manuel Couto.

Seguindo-se o encerramento das comemorações teve lugar no quartel dos Bombeiros Municipais de Tavira um almoço de homenagem e confraternização.


FIRESHELTER52

Centros de Saúde passam a ter testes rápidos de HIV

Os testes rápidos de diagnóstico da infecção por VIH vão passar a ser feitos nos centros de saúde a partir do segundo semestre deste ano, estando já disponíveis verbas para a aquisição de 40 mil testes.

Segundo disse à agência Lusa o coordenador do Programa Nacional de Prevenção e Controlo da Infeção VIH/Sida, António Diniz, até ao momento já manifestaram disponibilidade para aderir ao programa as administrações regionais de saúde (ARS) do Norte e do Centro.

O responsável assumiu esta como uma das prioridades do programa, uma vez que a taxa de diagnósticos tardios ao VIH/Sida em Portugal é de 65%, o dobro da registada na Europa.

No último ano, registaram-se menos quatro mil testes de diagnóstico precoce, um número que preocupa António Diniz, que já assumiu querer reduzir para 35% os diagnósticos tardios.

Para isso, serão disponibilizados testes rápidos nos cuidados de saúde primários de todo o país, estando já acordada a disponibilidade de seis centros de saúde no Norte e três no Centro.

Falta ainda estabelecer parcerias com as ARS do Alentejo, do Algarve e de Lisboa e Vale do Tejo, acrescentou, especificando, contudo, que este programa só arrancará a partir do segundo semestre, quando estiver estabilizado o programa de troca de seringas e o programa informático para conhecimento da infecção VIH.

Lusa/SOL

FIRESHELTER52

20/03/2013

Nova lei do mergulho recreativo em Portugal

Foi hoje publicada em Diário da República a nova lei do mergulho.

Pela primeira vez temos em Portugal uma lei do mergulho que encara com naturalidade a possibilidade de pessoas portadoras de deficiência virem a praticar esta actividade.

Esta lei entrará em vigor dentro de 90 dias.

Seguem-se as portarias que irão regulamentar esta lei e esperemos que uma dessas portaria seja a que finalmente irá reconhecer o sistema de formação da DDI em Portugal.

http://dre.pt/pdf1sdip/2013/03/05600/0176701775.pdf

Fonte: Paulo Guerreio (DDI) via Facebook // http://arqueomar.blogspot.pt

FIRESHELTER52

I Seminário “Organização e Gestão da Segurança em Edifícios” em Albufeira

O EMA- Espaço Multiusos de Albufeira foi o local escolhido para acolher o 1.º Seminário em “Organização e Gestão da Segurança em Edifícios”, no próximo dia 5 de abril, entre as 9h00 e as 18h00.

O Município, em colaboração com os Bombeiros Voluntários de Albufeira, pretende apresentar uma visão esclarecedora sobre a segurança contra incêndio, bem como chamar a atenção para a importância da implementação da organização da emergência em edifícios.

O Seminário destina-se, sobretudo, a proprietários e exploradores dos mais diversos estabelecimentos (industriais, comerciais, hoteleiros, restauração, bebidas, serviços).

Os oradores convidados irão esclarecer os participantes acerca da relevância das medidas de autoproteção e gestão da segurança em edifícios, entre outros aspetos relacionados com a temática. Destaque para a presença de Carlos Nogueira, da Certitecna (2.º Painel); de Pedro Barbosa, da Escola Nacional de Bombeiros (3.º Painel); e de José Goulão Marques (4º Painel).

O evento será desenvolvido num formato interativo, contando com momentos de debate moderados por especialistas nacionais, de forma a garantir um adequado esclarecimento das dúvidas, oportunidade de discussão, troca de experiências e de informação.

As inscrições são gratuitas e limitadas a um máximo de 350 participantes. Os interessados deverão proceder à respetiva inscrição até ao próximo dia 28 de março, no Serviço de Auditoria, Qualidade e Formação do Município de Albufeira, através dos contatos telefónicos 289 599 524; 289 598 810; ou ainda via E-mail: inscricao@cm-albufeira.pt

Fonte: algarveprimeiro // BPS

FIRESHELTER52

19/03/2013

Governo aumenta subsídio para bombeiros

O Governo vai aumentar o valor do subsídio de combustível às corporações de bombeiros, envolvidas no combate a incêndios florestais, este ano, revelou esta terça-feira o secretário de Estado da Administração Interna, Filipe Lobo d'Ávilla.

O valor da comparticipação passa de 80 cêntimos para 1,20 euros, por litro, e, como salientou o governante após reunião com comandos distritais e operacionais na Autoridade Nacional da Proteção Civil, representa "um esforço financeiro de dois milhões de euros", juntamente com a remuneração diária para elementos que integrem equipas de combate a incêndios florestais.

Este ano, a remuneração diária será de 45 euros, isentos de tributação, mais quatro euros do que no passado, foi anunciado na semana passada pelo ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, após a aprovação do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais 2013 (DECIF).

"A atualização do valor desta comparticipação diária não acontecia há cinco anos", referiu o secretário de Estado da Administração Interna, acrescentando que "há um conjunto de propostas" no DECIF 2013 "que vai ao encontro das questões dos bombeiros".

O combate a incêndios florestais vai custar 78,5 milhões de euros (ME), em 2013, o que reflete um aumento de quase cinco por cento em relação ao ano passado, o que corresponde a mais quatro milhões de euros.

No que se refere a verbas destinadas às corporações de bombeiros, que totalizarão 2,3 ME, em 2013, há um reforço de 11 por cento, enquanto serão despendidos 1,3 ME para a aquisição de rádios, a serem distribuídos pelas corporações de bombeiros de todo o país, que vão passar a dispor de seis aparelhos, em vez de três, como se verificou em 2012.

FIRESHELTER52

18/03/2013

Chuva Vento e trovoada... Alerta Amarelo Algarve

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou os distritos de Setúbal, Beja, Évora e Faro sob aviso amarelo entre as 03:00 e as 15:00 de terça-feira devido à previsão de chuva, vento e trovoada.

O IPMA prevê para aqueles quatro distritos «chuva ou aguaceiros, sendo por vezes fortes e acompanhados de trovoada e rajadas de vento».

O aviso amarelo é o terceiro mais grave de uma escala de quatro, seguido do aviso laranja e vermelho.

FIRESHELTER52

Tavira – Memórias de uma Cidade

Hoje deixo-vos aqui uma obra literária que data de Dezembro de 2004 editada por Ofir Renato das Chagas, com revisão de Dr. Joaquim Humberto Galhardo Palmeira e Luís Maria Melo e Horta.

Toda a expressão histórica refletida neste livro é um repositório de factos, recordações de pessoas ou um pouco da memória da nossa terra, Tavira.

E como refere o autor ...”Para os presentes, muito do conteúdo desta obra e algumas figuras nela mencionadas ainda pertencem ao quotidiano e, por isso, pouco lhes dirão. Mas estou convencido que as mesmas, num futuro próximo, já servirão de curiosidade para as gerações vindouras, que se possam interessar pela história de Tavira, para quem, especialmente, escrevi estes apontamentos”...

Eu acho que já faço parte destas gerações vindouras, pois a maior parte dos acontecimentos aqui descritos são antes do meu nascimento, factos e ações feitos por gentes e pessoas da nossa terra, que de forma altruísta nos enchem de orgulho.

Espero que esta minha página na internet possa da mesma forma ser um livro aberto da história dos serviços de socorro e salvamento da minha terra, e como refere o autor “as coisas do quotidiano pouco nos dirão”, mas num futuro próximo ...

FIRESHELTER52

Regressa às fileiras do socorro VFCI-07 CBM Tavira

Pensava-se que seria mais uma pequena “constipação” que o veículo de primeira de intervenção ao combate de incêndios florestais dos Bombeiros Municipais de Tavira tinha sofrido após o dantesco incêndio na serra de Tavira em Julho de 2012, mas estávamos enganados...

O guerreiro VFCI-07 de Tavira, um Renault Camiva Adquirido em Setembro de 1989 diretamente á fábrica da Camiva em Chambérry na França estava mesmo fora de combate.

Um grave problema na caixa de transferência deixou-o inoperacional, sendo que a substituição do problema era quase impossível visto a Camiva já não produzir peças para este modelo.

Era assim um golpe rude e duro ver encostado este todo terreno, que sofreu atualização estruturais importantes de melhoria na segurança e conforto para a sua guarnição capacitando-o mais e melhor para o ataque e primeira intervenção dos incêndios florestais.

8 Meses depois, o VFCI-07 de Tavira regressa às fileiras do combate, operacional como nunca, com uma nova caixa de transferência e um para-brisas novo.

FIRESHELTER52