31/10/2015

Autoridade Nacional de Proteção Civil - AVISO À POPULAÇÃO _ PRECIPITAÇÃO

No seguimento do contacto com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) realizado hoje, dia 31 de outubro, no Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), salienta-se para o dia de amanhã (01 novembro):

Precipitação pontualmente intensa com acumulados de 100mm/24h e que poderão superar os 20mm/h, incidindo essencialmente nas regiões do Algarve e Alentejo e estendendo-se gradualmente aos restantes distritos, a Sul do Tejo;

Vento em geral fraco a moderado, do quadrante oeste, temporariamente com rajadas que poderão atingir os 80km/h;

Agitação marítima de NW, forte com 4-5m na costa ocidental e na costa sul;

Acompanhe as previsões meteorológicas em www.ipma.pt

FIRESHELTER52

30/10/2015

Atualização do Quadro de Previsões para o Fim de Semana

Segundo os indicadores meteorológicos o fim de semana aponta para ser bem tempestuoso

Ficam aqui os meteogramas e previsões dos fatores meteorológicos para a zona de Tavira

clique na imagem para aumentar



FIRESHELTER52

Curso de Nadador -Salvador Profissional

O ISN vai realizar um Curso de Nadador Salvador Profissional nas Piscinas Municipais de Albufeira, a partir da próx. 4.ª, dia 4. 

Inscrições até 3.ª ao meio dia na Delegação Marítima (levar cópia do CC e foto a cores). 

Inicialmente só se paga o valor do seguro (5,81€). 

Posteriormente, quem passar nas provas de admissão (em que o principal é nadar 100m em menos de 1min50seg e nadar + que 20 seg em apneia) pagará o valor do curso (150€). 

Este curso durará cerca de 1 mês e irá decorrer de 2ª a 6ª (18:15/23h) e nos sábado, será durante o dia, em horário variável. 

De notar que o Curso terá um alto nível de empregabilidade, sendo um investimento com grande retorno para os que pretenderem exercer a função.

https://www.facebook.com/paulo.severino.121?fref=nf

FIRESHELTER52

Bombeiros Municipais Respondem a Incêndio Urbano em Tavira

Os Bombeiros Municipais de Tavira responderam ao final da tarde de quinta-feira a um violento incêndio urbano no centro da Cidade de Tavira.

O incêndio foi localizado nas garagens dos Edifícios das "Caves D´el Rei", uma estrutura de dois pisos abaixo do rés-do-chão,ampla, com mais de 500 metros quadrados, uma galeria gigante com duas centenas de lugares de estacionamento e outras tantas arrecadações onde se pode encontrar de tudo resguardado.

Após a eclosão, que se pensa ter tido inicio num motociclo elétrico, rapidamente o espaço ficou cheio de fumo, gases e calor, confinando todas as outras viaturas que estavam estacionadas no local.

A rápida e pronta intervenção dos Bombeiros Municipais foi determinante para a localização do incêndio, a sua extinção e manutenção da segurança.

Foram necessárias várias horas para que tivessem término as operações que envolveram ações de busca e salvamento de pessoas que pudessem ter ficado na garagem no interior dos veículos ou nos caminhos e saídas de emergência, ventilação tática para remover os milhares de metros cúbicos de fumos existentes, aberturas forçadas de acessos e combate ao incêndio.

Felizmente, um incidente de grande envergadura não houve feridos a registar.

Os danos serão apurados quando as condições de segurança assim o permitirem.

Estiveram envolvidos duas dezenas de Bombeiros Municipais de Tavira, apoiados por um Veiculo Urbano de Combate a Incêndios, um Auto Tanque, um Veiculo Ligeiro de Combate a Incêndios e um Veiculo de Apoio Tático.

A circulação automóvel foi cortada na baixa da cidade e a pedonal restrita ao local enquanto decorreram as operações de socorro.

Estiveram envolvidos nas operações um dispositivo policial da PSP de Tavira com diversos meios e agentes.

FIRESHELTER52

29/10/2015

Bombeiros Municipais Respondem a Acidente de Mota

Os Bombeiros Municipais de Tavira responderam ao inicio da manhã de hoje a um violento e grave acidente de viação na EN270, estrada nacional que liga Tavira a Santa Catarina.

Uma colisão entre um ligeiro de passageiros e um motociclo fez um ferido grave.

A vitima em estado grave, foi assistida e transportada ao Hospital em Faro.

Estiveram envolvidos nas operações de socorro os Bombeiros Municipais de Tavira e o INEM.

A circulação na estrada sofreu abrandamentos enquanto decorreram as operações de socorro e assistência, mas esteve devidamente segura com a presença da autoridade.

FIRESHELTE52

28/10/2015

Previsão de Chuva Muito Forte para 1 de Novembro

Segundo os seguintes indicadores meteorológicos associados já a alguns avisos, prevê-se para o próximo Domingo primeiro dia de Novembro uma situação bastante dificil no que toca à presença de chuva.

Ficam aqui hoje, 4 dias antes as previsões, que com a aproximação tende a ficar diferentes e mais certas.

Clique nas imagens para aumentar




Meteograma Instituto Superior Técnico:


Previsão Windguru:


Vamos acompanhando a situação.

FIRESHELTER52

Um gato conseguiu prever 50 mortes

Um gato tem chamado a atenção na Enfermagem do Centro de Reabilitação de Rhode Island por ter acertado a morte de 50 pessoas.

Todas as vezes que o animal parou perto da cama de um paciente, a pessoa faleceu. De acordo com o médico David Dosa, o gato tem o poder misterioso de prever quem vai morrer.

O animal vive vagando pelo hospital e, às vezes, ele visita os pacientes que têm um curto período de vida pela frente. Em alguns casos, o gato surpreendeu a equipe médica com as previsões. Ele já chegou a predizer corretamente, pelo menos, 50 mortes nos últimos cinco anos.

O primeiro caso aconteceu em 2007, quando o gato ficou famoso por uma matéria do prestigiado New England Journal of Medicine. Contudo, não existem experimentos científicos que comprovem as previsões do felino.

Mesmo assim, as equipes começaram a alertar as famílias sempre que o gato se sentava ao lado de um paciente. Estudiosos e médicos acreditam que o animal possa ter um sexto sentido ou sentir um cheiro diferente nas pessoas que estão prestes a morrer.

A explicação mais aceita é de que os pacientes que estão morrendo emitem determinados produtos químicos que não são detectáveis ​​por seres humanos, mas que podem despertar o aguçado olfato do gato.

A pesquisadora Jacqueline Pritchard, especialista em animais, disse à BBC News que está certa de que o felino pode sentir os órgãos vitais dos pacientes parando de funcionar. Histórias de animais com habilidades surpreendentes não são raras. Já existem relatos de cães que também conseguem sentir a morte de seres humanos.

Fontes: Howstuffworks, Psychologytoday, Discovery.

Fonte: http://www.sitedecuriosidades.com/curiosidade/acredite-se-quiser-um-gato-conseguiu-prever-50-mortes.html

FIRESHELTER52

Bombeiros Municipais respondem a Acidente na EN125

Os Bombeiros Municipais de Tavira responderam ao inicio da tarde de hoje a um violento acidente de viação na Estrada Nacional 125 na zona de Quatrim, já concelho de Olhão.

Uma colisão entre um ligeiro de mercadorias e um ligeiro de passageiros fez três feridos que foram assistidos pelas equipas de emergência no local, tendo doiss deles recebido tratamento hospitalar.


A circulação ficou afetada, tendo o fluxo de trânsito ficado diminuído no sentido Tavira - Olhão enquanto decorreram as ações de socorro no local.

Estiveram envolvidos nas ações de socorro os Bombeiros Municipais de Tavira apoiados por duas ambulâncias de socorro, a GNR e a empresa concessionária da EN125.

Após a conclusão dos trabalhos com a remoção dos destroços e veículos da via a circulação voltou á normalidade.

FIRESHELTER52

Desenhador do Quotidiano Regressa a Tavira

Um regresso, pelos desenhos, a Tavira. Por ordem: o rio Gilão visto da ponte rodoviária, a Biblioteca Álvaro de Campos, um aproveitamento da antiga prisão e a rua da Galeria, que dá acesso ao Castelo, ao Museu e a uma coisa a não perder – o antigo depósito de água, hoje câmara escura, donde se avista toda a cidade de Tavira.




http://diario-grafico.blogspot.pt/2015/10/regresso-tavira.html

FIRESHELTER52

Praia algarvia desaparece com forte ondulação

A forte ondulação que atingiu a costa portuguesa, durante esta terça-feira, provocou danos considerados "irreparáveis" na Praia de Odeceixe, em Aljezur

David Rosa, proprietário de uma escola de surf em Odeceixe, há mais de 15 anos, diz, ao JN, que as obras que decorreram no início do verão, no âmbito da Sociedade Polis Litoral Sudoeste, retiraram a areia das dunas que impediam o avanço do mar.
in JN

FIRESHELTER52

27/10/2015

Atum com mais de 200kg deu à costa na Culatra

São criados ali ao lado, vêm muitas vezes parar ao prato, mas não é habitual ver atuns de mais de 200 quilos, inteiros, na Ilha da Culatra. 

Um exemplar deste peixe deu à costa, perto do núcleo com o mesmo nome da Ilha, no passado fim de semana.

sulinformacao.pt

FIRESHELTER52

Indutor Misturador de Espumifero em linha : LEADER Mix

Com este equipamento as equipas de manobra podem trabalhar de maneira convencional com as agulhetas de produção de espuma de forma abrangente, bastando para tal selecionar o modo de caudal desejado.

Anula as especificações dos doseadores misturadores em linha Z2, Z4 ou Z8 com as respetivas agulhetas de produção, bastando selecionar o tipo de caudal desejado em conformidade com as agulhetas.
O LEADER MIX é o compromisso ideal entre indutores venturi convencionais e sistemas automáticos tradicionais, devido à ampla gama de caudais e rácios de injeção disponíveis 

Totalmente autónomo, não requer fonte de alimentação. Além disso, graças a um projeto mecânico simples, sua manutenção é muito reduzida.

O LEADER MIX tem uma ampla gama de taxas de caudais (200 a 800 l / min a 10 bar) e uma faixa de pressão operacional de largura (5-16 bar) permitindo a substituir três doseadores convencionais "Z" (200, 400 e 800).

Os pontos fortes são a medição precisa e consumo reduzido!

O LEADER Mix permite ajustar com precisão a concentração de concentrado de espumifero injetado em consumos que vão de 0,5% a 6% (precisão de medição cumpre a norma EN16712) e adaptando-se ao caudal ajustado para a respetiva agulheta.

Existem duas versões disponiveis, uma portátil outra em sistemas de injeção fixo.

FIRESHELTER52

Paragem cardíaca... Por que ocorre mais de manhã?

Investigadores demonstram que há uma relação molecular entre o ritmo circadiano e a paragem cardíaca ou morte cardíaca súbita, oferecendo assim uma explicação para o facto de estes episódios ocorrerem com maior frequência durante a manhã, dá conta um estudo apresentado na 246th National Meeting & Exposition of the American Chemical Society (ACS).

A morte súbita cardíaca, causada pela instabilidade elétrica que provoca o batimento errático do coração e que interrompe o fluxo sanguíneo para cérebro e organismo, é a responsável por cerca de 325.000 morte anuais nos EUA.

Os investigadores da Universidade de Clevend, nos EUA, explicam que perante a fibrilação ventricular, a condição que causa morte cardíaca súbita, a vítima fica instantaneamente inconsciente e acaba por morrer a não ser que seja realizada uma reanimação cardiopulmonar.

“Na maioria dos casos não há uma segunda oportunidade. O primeiro evento é o último”, revelou, em comunicado de imprensa, um dos autores do estudo, Mukesh Jain.

Um dos maiores mistérios associados à morte súbita cardíaca está relacionado com a altura do dia em que esta condição ocorre.

Já há mais de 30 anos que os especialistas sabem que o batimento irregular do coração, responsável pela morte súbita cardíaca, ocorre com mais frequência em determinadas horas do dia, tendo um pico entre as 6 e as 10 horas da manhã.

Os investigadores sempre suspeitaram que havia uma associação entre a morte súbita cardíaca e o relógio biológico, localizado no cérebro.

Neste estudo os investigadores constataram que uma proteína, conhecida por KLF15, ajuda a regular a atividade elétrica do coração.

Esta proteína está envolvida na formação dos canais que permitem que as substâncias entrem e saiam das células cardíacas para que o batimento cardíaco seja normal e constante.

O estudo apurou que os pacientes com insuficiência cardíaca apresentavam níveis mais baixos desta proteína. Foi verificado que, em ratinhos, a KLF15 é a ligação molecular entre a morte súbita cardíaca e o ritmo circadiano.

Os investigadores observaram que animais com baixos níveis desta proteína tinham os mesmos problemas que os indivíduos com morte súbita cardíaca. “Desta forma os indivíduos com níveis baixos de KLF15 são os mais suscetíveis a estes episódios de morte súbita que ocorrem durante as horas da manhã”, disse o investigador.

Com base nestes resultados, os autores do estudo acreditam que o aumento dos níveis de KLF15, em pacientes com problemas cardíacos, poderá reduzir a ocorrência destas arritmias e morte súbita cardíaca. Os investigadores encontram-se atualmente a estudar fármacos que consigam de facto aumentar os níveis de KLF15.

ALERT Life Sciences Computing, S.A

FIRESHELTER52

SINDROME DO ESGOTAMENTO PROFISSIONAL - BURNOUT

A síndrome de burnout, ou síndrome do esgotamento profissional, é um distúrbio psíquico descrito em 1974 por Freudenberger, um médico americano.

O transtorno está registrado no Grupo V da CID-10 (Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde).

Sua principal característica é o estado de tensão emocional e stresses crônicos provocado por condições de trabalho físicas, emocionais e psicológicas desgastantes.

A síndrome manifesta-se especialmente em pessoas cuja profissão exige envolvimento interpessoal direto e intenso.

Profissionais das áreas de educação, saúde, assistência social, recursos humanos, agentes penitenciários, bombeiros, policias e mulheres que enfrentam duplas jornadas de trabalho correm risco maior de desenvolver o transtorno.

Sintomas

O sintoma típico da síndrome de burnout é a sensação de esgotamento físico e emocional que se reflete em atitudes negativas, como ausências no trabalho, agressividade, isolamento, mudanças bruscas de humor, irritabilidade, dificuldade de concentração, lapsos de memória, ansiedade, depressão, pessimismo, baixa autoestima.

Dor de cabeça, enxaqueca, cansaço, sudorese, palpitação, pressão alta, dores musculares, insônia, crises de asma, distúrbios gastrintestinais são manifestações físicas que podem estar associadas à síndrome.

Diagnóstico

O diagnóstico leva em conta o levantamento da história do paciente e seu envolvimento e realização pessoal no trabalho.

Respostas psicométricas a questionário baseado na Escala Likert também ajudam a estabelecer o diagnóstico.

Tratamento

O tratamento inclui o uso de antidepressivos e psicoterapia. Atividade física regular e exercícios de relaxamento também ajudam a controlar os sintomas.

Recomendações

* Não use a falta de tempo como desculpa para não praticar exercícios físicos e não desfrutar momentos de descontração e lazer. Mudanças no estilo de vida podem ser a melhor forma de prevenir ou tratar a síndrome de burnout;

* Conscientize-se de que o consumo de álcool e de outras drogas para afastar as crises de ansiedade e depressão não é um bom remédio para resolver o problema;

* Avalie quanto as condições de trabalho estão interferindo em sua qualidade de vida e prejudicando sua saúde física e mental. Avalie também a possibilidade de propor nova dinâmica para as atividades diárias e objetivos profissionais.


FIRESHELTER52

26/10/2015

Sabe mais sobre "déjà vu"

É viver algo e, ao mesmo tempo, ter a sensação de que isso já aconteceu antes.

O fenômeno ainda não foi totalmente esclarecido, mas sabe-se que ocorre devido a uma troca de informações errônea no cérebro.

A expressão déjà vu significa "já visto" em francês e surgiu no século 18, criada pelo parapsicólogo Émile Boirac.

Ele acreditava que o déjà vu era um flashback de outras reencarnações.

O fenômeno já era estudado na Grécia antiga e, com o tempo, foi ganhando outras explicações. Para a parapsicologia, o déjà vu pode ser uma forma de premonição.

Já os espíritas acreditam que pode estar relacionado a uma experiência do espírito, capaz de sair do corpo durante o sono.

Cientistas ainda tentam descobrir os motivos, mas têm uma certeza: a origem não tem nada de paranormal e é 100% biológica.

Já vi isso antes...

Falta de sincronia no cérebro cria a falsa impressão de repetição


Até Freud quis explicar o déjà vu: para ele, o fenômeno tinha a ver com fantasias do passado ou desejos inconscientes

FONTE Livro The Déjà Vu Experience, de Alan S. Brown

FIRESHELTER52

Estratégia de Segurança Contra Incêndios Urbanos

O planeamento de uma correta estratégia de segurança contra incêndios baseia a sua atuação em duas etapas fundamentais:

-Prevenção do Incêndio
-Controlo e extinção do Incêndio




Tem em conta este texto que a as mesmas podem ter definidas estratégias contra incêndios que juntem desde o desenho das instalações a planos de ação que incluem, alertas, modo de extinção, rotas de evacuação ou outras descrições nos planos prévios de segurança dos edifícios ou espaços em questão.

Prevenção do Incêndio:

A primeira oportunidade de se alcançar a segurança contra incêndios consiste na separação potenciais fontes de calor com possíveis combustíveis que se encontrem no mesmo espaço e que se possam misturar e interagir em determinado momento causando uma eclosão de um incêndio.

Os engenheiros e arquitetos seguem rigorosas normas de construção que brindam a segurança e a funcionalidade de um edifício. Tornam-no aprazível ao desenvolvimento das ações ao mesmo tempo que procuram garantir a segurança dos potenciais perigos existentes, minimizando o risco de acidentes.

Estatisticamente também esta provado que a maioria dos incêndios ocorrem por negligência das ações dos ocupantes, ao não haver um respeito criterioso dos cuidados e das condições de segurança de determinados equipamentos, como por exemplo a má armazenagem de combustíveis, subcargas elétricas, alterações na estrutura original em projeto, alterações na rede de gás ou rede elétrica entre outros.

Assim podemos definir que todo o processo de prevenção se possa basear por “CONTROLO”

#Controlo sobre as fontes de energia
#Controlo da interação das fontes de energia com combustíveis
#Controlo de combustíveis


Controlo e Extinção do Incêndio
O controlo e extinção do Incêndio contempla as seguintes medidas:

Controlo do processo da combustão:
Aqui são aplicadas todas as condições necessárias e efetivas para retardar o processo de propagação do incêndio, limitando-o a um espaço não o deixando propagar-se por outros compartimentos.

Controlo do Incêndio pelos processos da construção:
Uma referência aos detalhes de construção que ajudam a minimizar as progressões do incêndio, barreiras fixas como as paredes, tetos entre outros. A efetividade da proteção é garantida pelo uso de material adequado na construção e detalhes ou acessórios muito importantes como portas corta fogo, janelas, condutas de ventilação. Nunca podemos nos esquecer que uma propagação de grandes dimensões pode por em causa todos estes aspetos referidos anteriormente.

Rápida Supressão do Incêndio:
A chave do êxito da supressão deste tipo de incêndios e processos de segurança passa pela rápida deteção e alerta do incêndio, para se poder ativar os mecanismos de extinção adequados (manuais ou automáticos).
Estes mecanismos de deteção podem ser baseados por princípios de deteção de fumos ou variações de regime de calor num determinado espaço. No entanto qualquer que seja o dispositivo deve ter a capacidade de detetar rapidamente as situações dar o alerta e ser provido de tempo suficiente para evacuação dos ocupantes e ativar as medidas de supressão de combate.

Mecanismos de Supressão Automáticos:
São mecanismos que detetam, alerta e extinguem um incêndio de forma automática, os mais comuns são os sistemas de supressão por gases limpos, água ou espumas. A grande vantagem destes equipamentos é a pronta intervenção de atuação diretamente sobre o incêndio numa fase inicial sem que sejam afetados pelo fumo ou calor da combustão, ao contrário do ser humano.

Mecanismos de Supressão Manuais:
Este tipo de sistemas requerem a intervenção humana para o seu emprego na tentativa de debelar o incêndio na fase inicial. Neste caso este tipo de supressão deve ser constituido por utilizadores habituais do espaço, conhecedores de manobras de combate, regras de segurança e prática com os agentes extintores e equipamentos em uso. Grande parte do sucesso passa pela rápida intervenção destas pessoas, que em equipa ou de forma individual e espontânea se prestam ao desempenho desta ação.

O desenho da estratégia de segurança contra incêndio baseia a sua ação na prevenção da ocorrência do mesmo trabalhando a interação das variáveis Combustível e Calor.

A estratégia é completa com a tendência de diversas medidas de salvaguarda de pessoas e bens encarando a pronta supressão do incêndio mediante os mecanismos e agentes de extinção adequados.

Estes mecanismos de supressão baseiam a sua ação numa pronta e rápida deteção e prévio alerta e extinção de um foco de incêndio. Não podemos esquecer a evacuação e, ou o salvamento de pessoa nas estruturas em chamas, uma tarefa prioritária, sendo que este serviço apenas termina com o encaminhamento de cada um delas aos locais adequados ao seu tratamento.

Tem continuação com conhecimento sobre as Utilização Tipo (UT) e categorias de Risco em RSCIE...

FIRESHELTER52

24/10/2015

Esta Madrugada Atrasa a Hora

Não se esqueça nem se confunda.

Hoje às duas da madrugada os relógios atrasam uma hora, entrando assim na hora de inverno.

Não é só Portugal que volta à hora de inverno, todos os parceiros comunitários o fazem, dado que a decisão é tomada a nível europeu - e reavaliada a cada cinco anos.

A ideia de alterar a hora no verão tem raízes históricas que remontam à I Guerra Mundial: visava a poupança de energia numa altura em que o combustível era racionado. Embora tivesse sido lançada mais de um século antes pelo político e inventor norte-americano Benjamin Franklin.

Andar uma hora para frente dá mais uma hora de luz no final do dia, numa altura do ano em que os dias são maiores e amanhece muito cedo. O regresso à Hora de Inverno deixa-nos, por outro lado, mais próximos da hora solar.

FIRESHELTER52

23/10/2015

Os 5 erros Fatais no Combate aos Incêndios Urbanos - NFPA

Deixo ainda aqui uma nota da NFPA que relata o estudo das 5 principais causas de morte no serviço de bombeiros em combates a incêndios estruturais:

1- Falha ou ausência do sistema de comando operacional

2- Falha nos procedimentos básicos de segurança nas operações das equipas de manobra

3- Falha no controle de ARICAS e equipamentos

4- Falha ou ausência de comunicações rádio

5- Falha do reconhecimento preliminar e de profundidade tal como a não observação dos aspectos fundamentais da estrutura do edifício


FIRESHELTER52

Helicóptero do INEM deixa Algarve

O Helicóptero do INEM que estava a operar no Heliporto de Loulé, e que servia a região foi transferido para Évora.

A notícia do “Correio da Manhã”, confirma que à semelhança do que aconteceu o ano passado, o Algarve vai apenas ficar com o helicóptero pesado Kamov, que durante o verão é usado para o combate a incêndios.

Deste modo o helicóptero do INEM, ficará em Évora, até ao próximo verão, altura em que o Algarve “enche-se” de turistas.

Em declarações ao “CM”, Jorge Botelho, Presidente da AMAL, Comunidade Intermunicipal do Algarve, disse esperar que esta saída do helicóptero do INEM, “não prejudique a capacidade de intervenção e não tenhamos de responsabilizar ninguém numa situação de emergência que possa vir a acontecer”.

Refira-se que os meios humanos médicos continuam inalterados.

Algarve Primeiro

FIRESHELTER52

Substituição da degradada ponte militar de Tavira

A ponte militar sobre o Gilão, uma estrutura provisória que é usada há 25 anos, vai ser finalmente substituída por uma ponte definitiva.

A Câmara de Tavira já lançou o concurso para o projeto de execução da nova infraestrutura e conta ter uma ponte nova naquela zona nobre da cidade até final de 2017, gastando, «no limite, 2,5 milhões de euros», revelou ao Sul Informação o presidente da Câmara de Tavira Jorge Botelho.

A obra será feita com dinheiro da Câmara de Tavira, com eventuais apoios da União Europeia, embora «não se deixe de fazer, mesmo que não haja verbas comunitárias».

«Ainda não sabemos se vamos conseguir ter acesso a fundos comunitários. À partida não, mas estamos a tentar encaixar a obra em alguma rubrica. Independentemente disso, a obra vai avançar de certeza», assegurou Jorge Botelho.

O edil adiantou que a intervenção «já será sinalizada com uma pequena verba no Orçamento para 2016». Mais tarde, quando já houver um projeto de execução e seja possível alinhar um calendário para a construção da ponte, «far-se-á uma revisão do orçamento», para lá colocar a verba necessária.

Esta é uma obra há muito reclamada pela população de Tavira, já que a ponte está muito degradada.

Além de obrigar a limitações ao trânsito, o estado da ponte coloca questões de segurança, já que o seu tabuleiro de circulação é composto por traves de madeira emolduradas em estruturas de metal, revestidas por alcatrão. Os muitos buracos existentes levam a que seja arriscado passar em alguns locais da infraestrutura.

A ponte, que liga o Jardim Público de Tavira (Rua do Cais) à confluência das ruas Jacques Pessoa e Borda d’Água Aguiar, foi instalada em 1990 pelo exército, segundo as técnicas de engenharia militar, e, apesar de não ter sido pensada para ter um caráter permanente, mantém-se ao serviço ainda hoje.

A intervenção do exército deveu-se ao caráter de urgência da obra, já que, um ano antes do início da sua construção, a vizinha ponte romana tinha sido danificada por uma cheia e não havia, na altura, as alternativas de travessia do Rio Gilão que hoje existem.

Daí que haja a vontade de que a nova ponte comece a ser construída rapidamente. O processo que levará à escolha do projeto de execução vencedor deve terminar, «o mais tardar, em Fevereiro de 2016», seguindo-se novo concurso público, desta feita para adjudicação da obra.

Para já, «os termos de referência já estão na plataforma eletrónica e estamos a aceitar propostas», disse Jorge Botelho.

As propostas têm de incluir, não só, o projeto da nova ponte, mas também a planificação do processo de desmontagem da atual infraestrutura.

Isso levará a que, a partir do momento em que a obra seja adjudicada e até que a nova ponte esteja concluída, se deixe de poder fazer a travessia do Gilão de carro, naquela zona.

Quem circular a pé, pode continuar a usar a ponte romana, situada a poucos metros, na Praça da República.

.sulinformacao.pt

FIRESHELTER52

1881 -Foto & História do Incêndio na Igreja de São Francisco em Tavira

Hoje acrescento uma página de história ao SAFEPLACE52, coligi no perfil do historiador Ofir Renato Chagas, uma foto do estado em que ficou a majestosa Igreja de São Francisco em Tavira quando sofreu um dantesco incêndio estrutural provocado por um raio.

Fica aqui, a descrição do sucedido acompanhada desde hoje com as fotos, esperando que tal ocorrência não se volte a verificar nunca mais...

Tavira adormecera naquela noite de 30 de Março de 1881, sob um violento temporal, com a chuva a cair copiosamente nos belos telhados de tesoura.

Era meia-noite e meia hora quando, então se fez ouvir um medonho trovão que fez tremer toda a cidade e acordar sobressaltada a população.

A princípio tudo parecia não passar de um susto coletivo, mas as consequências daquele fenómeno viria a trazer graves consequências para o património arquitetónico da terra.

Um relâmpago incendiou, de imediato, a Capela Mor da Igreja de São Francisco, a riquíssima Capela dos Terceiros.
As testemunhas oculares desta tragédia foram as sentinelas prostradas nos torreões do quartel militar que estavam próximos da igreja.

Uma das sentinelas diria, depois, que vira cair um raio no zimbório da igreja (cúpula), com tal susto que acabou por desmaiar. Outra sentinela que montava guarda ao paiol da pólvora do referido quartel, distante apenas por 50 metros do local do incêndio, vendo sair línguas de fogo pelas frestas do zimbório da igreja gritou às armas para chamar a atenção do oficial e do reforço de guardas do quartel.

Pouco tempo depois todos os sinos das torres das igrejas da cidade tocaram a rebate, fazendo saltar da cama a população.

Muita gente acorreu, então, a ajudar na luta contra o incêndio que devastava o belo templo, mas apesar de todos os esforços em poucos momentos tudo ficou reduzido a cinzas acabando apenas por se salvar a Capela da Senhora da Boa Morte e a denominada “Santuário”.

Felizmente o vento que inicialmente se fazia sentir acalmou repentinamente evitando que o incêndio se propagasse ao Hospital que ladeia a igreja ou mesmo ao paiol militar próximo do local do incêndio, acabando os populares e os militares por extinguir as chamas”...

Clique na imagem para aumentar


FIRESHELTER52

Tartaruga Gigante Morta em Praia de Tavira

Infelizmente não foi a última que vi desde a minha última publicação aqui no blog.

Há duas semanas atrás tive o desprazer de poder ver partilhado mais dois destes animais gigantes do nosso mar mortos nos areais da praia do Homem Nú na zona entre a Luz e a Fuzeta.

Mas esta é especial...


Especial, porque as causas da morte são evidentes ... LIXO!

Sim, cordas e cabos usados nas lides do mar ou que simplesmente são lançados ás águas por humanos inconscientes das suas causas.

Na foto podemos ver que a causa da morte desta tartaruga gigante foi o facto de ter ficada enliada numa corda que se encontrava no seu espaço natural ... o oceano!

Vamos partilhar e chamar a atenção desta situação e reduzir as mortes destes animais que só este ano passaram a barreira da dezena!

Clique na imagem para aumentar




Noticia coligida in facebook, onde é de realçar o texto da pessoa que encontrou a carcaça da tartaruga: https://www.facebook.com/fatima.e.paulo/posts/1041404699223381

FIRESHELTER52

21/10/2015

INEM Abre Vagas para 80 Enfermeiros

O INEM abriu hoje um procedimento concursal comum para recrutamento de trabalhadores com ou sem relação jurídica de emprego público para preenchimento de 80 postos de trabalho, da carreira especial de enfermagem, do mapa de pessoal do Instituto Nacional de Emergência Médica, na categoria de enfermeiro

A deliberação do Conselho Diretivo do INEM sobre esta matéria foi a 7 de outubro de 2015.

Assim, a contar da data de 21/10/2015 procede-se à abertura de procedimento concursal comum, pelo prazo de 10 dias úteis a contar da data da publicação do presente aviso na Bolsa de Emprego Público, para ocupação de 80 postos de trabalho.

Todas as informações devem ser lidas no aviso de abertura presente em Diário da República.

Mais informações no site: http://www.inem.pt/PageGen.aspxWMCM_PaginaId=28864&concursoId=57044

Coligido no site: http://www.bps.pt

FIRESHELTER52

Grande Asteroide vai passar muito perto da Terra no Halloween

Descoberto há apenas 10 dias, o asteróide tem atraído a atenção de cientistas da NASA, porque em 31 de outubro, se aproximará da Terra (nenhuma coisa deste tamanho fez isso desde julho de 2006).
“Esta é a maior aproximação de um objeto conhecido desse porte até o 1999 AN10 .

 “A última aproximação mais próxima foi do 2004 XP14 em julho de 2006, que passou a 1,1 distâncias lunares, já  tivemos encontros mais próximos recentemente, mas não por algo tão grande.”

Detectado em 10 de outubro pela Organização Pan-STARRS no Havaí, que emprega várias câmeras de astronomia e telescópios para identificar objetos potencialmente ameaçadores próximos da Terra, o asteroide 2015 TB145 tem entre 280 a 620 metros de diâmetro.

A NASA diz que o asteroide 2015 TB145 tem uma órbita extremamente excêntrica e de alta inclinação, razão pela qual o objeto demorou para ser descoberto. 

O objeto não será visível a olho nu durante seus momentos mais próximos no Dia das Bruxas, mas deve ser observável para aqueles com sorte o suficiente para ter um telescópio amador de boa qualidade.

De acordo com a NASA, 13.251 objetos próximos da Terra foram descobertos, 877 dos quais são asteróides com um diâmetro de aproximadamente 1 km ou maior. Alguns destes 1.635 foram classificados como asteroides potencialmente perigosos (PHAs).

No entanto, a NASA diz que nenhum dos asteroides ou cometas identificados vai chegar perto o suficiente para impactar a Terra a qualquer momento no futuro previsível.

FIRESHELTER52

Sismo sentido no Algarve

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera informa que no dia 21-10-2015 pelas 09:39 (hora local) foi registado nas estações da Rede Sísmica do Continente, um sismo de magnitude 3.4 (Richter) e cujo epicentro se localizou a cerca de 8 km a Oeste-Noroeste de Silves.

De acordo com a informação disponível, este sismo foi sentido, devendo em breve ser emitido novo comunicado com informação instrumental e macrossísmica actualizada.

Se a situação o justificar serão emitidos novos comunicados.

Sugere-se o acompanhamento da evolução da situação através da página do IPMA na Internet (www.ipma.pt) e a obtenção de eventuais recomendações junto da Autoridade Nacional de Proteção Civil (www.prociv.pt).

FIRESHELTER52

19/10/2015

Desabamento de Garagem em Olhão Danificou 28 carros

O tecto de uma garagem particular em Olhão desabou sobre três dezenas de viaturas ligeiras de passageiros danificando-as.

28 carros foram atingidos pela estrutura, felizmente só danos materiais, sem vitimas a registar.

O acidente ocorreu perto das 9:30 da manhã em Olhão e obrigou a uma intervenção das equipas de proteção e socorro da Cidade.

A circulação na rua onde se deu o acidente ficou encerrada ao trânsito enquanto decorreram as operações de avaliação da situação.

Os veículos atingidos ainda não puderam ser retirados por questões de segurança.

Presume-se que a estrutura tenha cedido face a uma situação de chuva e ventos fortes que se registaram num curto espaço de tempo antes da hora do acidente.

(imagem cmtv)

FIRESHELTER52

MARÉGRAFO INSTALADO NO PORTO DE ALBUFEIRA

Os Bombeiros de Albufeira colaboraram com o IPMA e prestaram o devido apoio na instalação do referido equipamento.

No âmbito do Projeto para reforço da capacidade de monitorização costeira (nível do mar) para efeitos do sistema de alerta de tsunamis, o qual é da responsabilidade do Joint Research Center (Comissão Europeia) e do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), em fase de implementação no Mediterrâneo e no Atlântico Nordeste, foram instalados dois marégrafos nos Portos de Pesca de Albufeira e de Sagres.


FIRESHELTER52

Salva-Vidas do ISN com noite agitada em Salvamentos no mar do Algarve

Ao longo da noite de Sábado ocorreram duas ações no âmbito de busca e salvamento marítimo, com uma evacuação médica ao largo de Portimão e uma assistência a um veleiro em Olhão, que foram coordenadas pelo Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa.

Segundo comunicado da Marinha Portuguesa, a evacuação médica de um tripulante com fortes dores abdominais, de 59 anos e de nacionalidade espanhola, do navio Vulcano M, foi realizada por uma lancha, da estação salva-vidas de Ferragudo, pelas 21h40, tendo atracado em Portimão pelas 22h00.

No local encontrava-se uma ambulância dos bombeiros de Portimão que transportou o doente para o hospital de Portimão, encontrando-se em situação estável.

Já em Olhão, o veleiro Preference, com três pessoas a bordo, duas de nacionalidade francesa e uma de nacionalidade belga, que se encontrava a cerca de 6 milhas a sudoeste da entrada da barra Faro/Olhão, sem energia a bordo, e a navegar em grandes dificuldades foi assistido e acompanhado até à entrada da barra de Faro por uma lancha da Marinha.

Após a entrada na barra o veleiro foi acompanhado por uma embarcação, da estação salva-vidas de Olhão, tendo atracado no Porto de Faro, cerca das 03h00.

Algarve Primeiro

FIRESHELTER52

IV TORNEIO INTER BOMBEIROS - TAVIRA

4ª EDIÇÃO DO TORNEIO INTER BOMBEIROS organizado pelos Bombeiros Municipais de Tavira



Contará com várias equipas dos Corpos de Bombeiros do Algarve e não só...
Considerado por muitos o melhor torneio Inter_Bombeiros da Região.
Venha apoiar os soldados da Paz
Uma Organização do Corpo de Bombeiros Municipais de Tavira

FIRESHELTER52

Barra de Tavira continua encerrada a toda navegação

ATUALIZAÇÃO: 12:00 Horas >> Abertura da Barra de Tavira >> continuam condicionadas as Barras do Porto de Faro e Vila Real de Santo António
A Barra do Porto de Tavira continua hoje fechada a toda a navegação e outras cinco estão condicionadas devido à previsão de agitação marítima forte, informou a Marinha portuguesa.

De acordo com a informação disponível na página da Marinha na Internet às 06:00, as barras de Caminha, Vila Praia de Âncora e Tavira estão fechadas à navegação devido à previsão de agitação marítima forte, prevendo-se ondas até quatro metros.

Também as barras de Faro e de Vila Real de Santo António estão hoje condicionadas a embarcações de comprimento inferior a 10 e a 12 metros, respetivamente.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje na costa ocidental a norte do Cabo Raso ondas de sudoeste com 1 a 1,5 metros, passando gradualmente a ondas de noroeste com 1,5 a 2,5 metros.

Na costa ocidental a sul do Cabo Raso prevê-se ondas de sudoeste com 1,5 a 2,5 metros e na costa sul ondas com 1 a 2 metros, aumentando para 2 a 2,5 metros.

O IPMA prevê para hoje no continente céu geralmente muito nublado, períodos de chuva ou aguaceiros, que poderão ser por vezes fortes, condições favoráveis à ocorrência de trovoada, vento fraco a moderado do quadrante leste, soprando moderado a forte nas terras altas.

Está também prevista neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais e pequena subida da temperatura máxima.

FIRESHELTER52

16/10/2015

Marcadores Intensificam Agravamento das Condições do Tempo

No seguimento da comparação das previsões do estado do tempo para amanhã a partir do meio da manhã principalmente para a zona urbana de Tavira compara-se...

Uma Intensificação do agravamento do estado do tempo em relação à chuva prevista.

Na comparação dos diversos meteogramas com a aproximação das previsões são carregados negativamente os níveis de chuva que se prevê que caiam entre o meio da manhã e a tarde.

A esta situação, acompanha uma condição desfavorável de ventos fortes de sul e ondulação elevada coincidindo com a maré alta neste período critico.

A Autoridade Nacional de Proteção Civil emitiu um Estado de Alerta Especial para o Sistema Integrado de Proteção e Socorro SIOPS Nível Amarelo.

Assim deixo-vos os meteogramas de chuva e vento para Tavira apoiados pela previsão do modelo do Windguru.

CHUVA TAVIRA (clique para aumentar)


VENTO TAVIRA (clique para aumentar)


WINDGURU TAVIRA - Chuva / Vento / Mar (clique para aumentar)


Não obstante, a cidade banhada pelo Gilão recebe água vinda de norte na Ribeira da Assêca onde se juntam uma ribeira que vêm da zona de Cachopo e outra da zona de Santa Catarina /São Brás.

Mapa da convergência das ribeiras Clique para aumentar



Procurei verificar quais as previsões de chuvas para estes locais e as perspectivas não são nada animadoras.

São Brás Alportel - Previsão de chuva (clique para aumentar)


Cachopo - Previsão de Chuva (clique para aumentar)


Ficam aqui então as respetivas previsões, esperando que nada se venha a registar de tão gravoso.

Prevenir, alertar e informar não é criar o pânico, é preparar o cidadão e a comunidade para melhor responderem ás adversidades que podem ficar sujeitos.

FIRESHELTER52