30/03/2017

Bombeiros Municipais Ministram Formação a Unidade Hoteleira de Tavira

Os Bombeiros Municipais de Tavira desenvolveram em conjunto com uma unidade hoteleira do concelho uma ação de formação de Segurança Contra Incêndios e uma outra de Técnicas de Socorrismo.


A formação de Combate a Incêndios teve como objetivo transmitir informação e preparar os colaboradores da unidade para uma resposta pronta e eficaz a situações de emergência, incêndios e evacuação que possam surgir.

Foram abordados os enquadramentos legislativos de SCIE, medidas de auto proteção, planos de prevenção, organização de segurança, evacuação de emergência, combate a incêndio tal como táticas e estratégias de segurança pessoal e salvamentos.

De uma forma mais prática foram desenvolvidos junto do grupo ações de fogo real que envolveram incêndios em cozinhas, fugas de gás, incêndios na rede de gás, utilização de agentes extintores e simulação de evacuações de emergência.

Os formandos desenvolveram exercícios de visibilidade nula em espaços desconhecidos, enfumados na vertente de ajuda e salvamentos tal como na vertente de auto-salvamento e segurança pessoal.

A formação foi ministrada na Unidade Hoteleira e no quartel dos Bombeiros Municipais de Tavira pelos Formadores João Horta e José Nascimento.

FIRESHELTER52

Formação em telecomunicações de emergência

Os operadores de central e dois bombeiros dos Bombeiros Municipais de Tavira, receberam a formação de telecomunicações de emergência, nos dias 20 a 27 de março, promovido pelo Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro.


A formação de 35 horas decorreu nas instalações de apoio à Base de Helicópteros em Serviço Permanente (BHSP) em Loulé, e cujo objetivo consistiu em transmitir competências tecnico-operacionais no âmbito das telecomunicações de emergência, colocando os operadores de telecomunicações em contato com todos os conhecimentos necessários e adaptados à realidade regional.

Como a preocupação com as telecomunicações e recepção de informação é uma prioridade e vista com uma atenção especial, recentemente os Bombeiros Municipais de Tavira viram formado através da frequência de um curso na Escola Nacional de Bombeiros o Bombeiro Municipal Miguel Bonito como Formador de Operadores de Central.


FIRESHELTER52

29/03/2017

Bombeiros Municipais Respondem a Acidente com Camião

Os Bombeiros Municipais de Tavira responderam durante a tarde de hoje a um violento acidente de viação que envolveu um veiculo motorizado e um pesado de mercadorias.


O acidente ocorreu na estrada municipal 276 perto do Almargem por volta das 17 horas e fez um ferido.

A rápida e pronta intervenção dos Bombeiros Municipais e INEM foi determinante para o socorro da vitima que após ser assistida foi transportada ao Hospital de Faro.

Estiveram envolvidos nesta operação de socorro uma dezena de operacionais apoiados por duas ambulâncias um veiculo de salvamento e desencarceramento e a autoridade.

FIRESHELTER52

Simulador Risco Sísmico e Tsunamis do Algarve SRSTA

Faz hoje 6 anos que em Tavira foi apresentada o Simulador de Riscos Sísmicos e Tsunamis do Algarve.

O então Adjunto de Comando da ANPC-CDOS Faro, Vasco Sousa apresentou a sessão de esclarecimento e demonstrações do simulador ao Conselho de Tavira.

Numa primeira fase, foi apresentado o simulador, suas funcionalidades e utilização.

Seguidamente, procedeu-se a uma explicação da utilização e serviço do mesmo na comunidade de planeamento e socorro em caso de catástrofe sismológica e tsunamis.

Após conclusão do mesmo, foi demonstrada através do simulador a situação do sismo ocorrido em 1755, como foi a forma que afectou a população de Tavira em conjunto com os dados relativos á época do incidente.

De seguida, procedeu-se a um estudo utilizando o SRSTA, calculando um novo sismo com o epicentro nos Picos de Gorringe, zona a SW de Sagres e onde se calcula que tenha ocorrido o sismo de 1755.

Os dados serão apresentados na tabela de seguida:




Sismo com magnitude de 8,7 localizado a SW de Sagres.
São 11 da manhã de um dia de Agosto de 2010


Na Cidade e suas imediações encontra-se a seguinte ocupação:




Após a recolha de informação selectiva o simulador informa:

 Acção a nível do solo na zona atingida pelo sismo.
 Danos em Edifícios.
 Danos em escolas e jardins-de-infância.
 Danos em equipamentos de saúde.
 Danos nas vias de comunicação.
 Danos na rede ferroviária.
 Danos na rede eléctrica.
 Danos no sistema de abastecimento de águas.
 Danos nas estações de tratamento de águas e estações elevatórias.
 Danos no saneamento básico.
 Danos de Tsunami (provisório).

Este dados serão interpretados pelo SRSTA e proporcionarão uma conjuntura de informação relativamente a acidentes com vidas humanas, estruturas e vias de comunicação entre outras informações.

No caso desta simulação o impacto de vítimas seria o seguinte:




A nível de Tsunamis, o estudo da tsunamografia ainda não está concluído, apresenta apenas uma informação no sistema ainda preliminar e não muito real, mas na observação final a zona de Tavira e suas Freguesias Ribeirinhas seriam atingidas de forma ligeira com o tsunami, visto segundo o simulador que as Ilhas barreiras absorveriam grande parte da energia libertada pelas ondas, sendo o resto absorvido pela Ria Formosa, onde uma desaceleração significativa travaria o avanço da força do mar, embora fossem registadas cheias rápidas em meio urbano pela subida das águas na Ria até ao centro da Cidade.

Estima-se que 468 edifícios seriam afectados caso ocorre-se um sismo com as características referidas atrás.

Seguidamente foi apresentada uma falha geológica no Conselho de Tavira de relevante importância capaz de produzir um sismo com magnitude até 7 graus.

Situada a Norte da Luz de Tavira entre Santo Estevão e a zona de Estoi, a respectiva falha foi protagonista de um sismo no ano de 1722 que embora de grande intensidade não regista estudo pormenorizado.

Caso neste momento ocorre-se uma situação de incidente sismológico neste local, a devastação e destruição seria dantesca produzindo ainda um número considerável de baixas e mortes.

Segundo o estudo padronizado e efectuado no SRSTA.

Para finalizar, estudou-se a falha Euro-Asiática com a falha Africana.

Situada a sul do Algarve, estas duas placas em caso de actividade sísmica significativa também poderiam provocar incidentes sismológicos capazes de afectar o sul de Portugal.

Tavira, por sua vez também afectada, mas a referência ou tendência seria na ocorrência de tsunamis.

Foi uma acção de formação esclarecedora e muito informativa.

FIRESHELTER52

Incêndio Urbano em Faro Já Mobiliza 30 Bombeiros da Região

Quase trinta operacionais apoiados por quase uma dezena de meios terrestres estão a combater um incêndio numa antiga fábrica na zona de Faro.




Os dados recolhidos no site da ANPC indicam um incêndio na zona de Santa Bárbara de Nexe /Alagoas...

Os Bombeiros Municipais de Tavira deslocaram já para este local uma Auto-Escada com 3 Bombeiros Municipais.

Seguindo & Informando ....

Incêndio foi dominado pelos Bombeiros por volta das 22 horas

Foto do local coligida no jornal on line sul informação:


FIRESHELTER52

27/03/2017

Bombeiros Municipais Respondem a Incêndio Urbano em Tavira

Os Bombeiros Municipais de Tavira responderam durante a manhã de hoje a um violento incêndio urbano em Tavira.


O incêndio deflagrou numa habitação familiar com vários pisos e a pronta e rápida intervenção dos Bombeiros Municipais de Tavira foi determinante para o domínio e extinção do incêndio.

O incêndio foi combatido por uma equipa de Bombeiros Municipais apoiados por um Veiculo Ligeiro de Combate a Incêndios e um Veiculo Urbano de Combate a Incêndios.

Felizmente não houve vitimas a lamentar apenas danos materiais.

A Policia de Tavira esteve no local.

FIRESHELTER52

Bombeiros Municipais Respondem a Pedidos de Ajuda Devido ao Mau Tempo

Os Bombeiros Municipais de Tavira responderam durante o dia de ontem a diversos pedidos de ajuda face às condições meteorológicas que se fizeram sentir no concelho.


Quedas de árvores, inundações na via publica, e cheias rápidas em meio urbano ocuparam a tarde dos Bombeiros Municipais de Tavira que perante as situações apresentadas responderam de forma rápida e eficaz aos pedidos solicitados pela comunidade.

Diversos meios de socorro com as respetivas guarnições responderam a uma dezena de ocorrências no concelho desde as 14 horas até por volta das 19.

FIRESHELTER52

26/03/2017

Bombeiros de Vila Real Respondem a Violento Acidente de Viação

Os Bombeiros de Vila Real de Santo António responderam prontamente a um violento acidente de viação.



Um despiste de um ligeiro de passageiros perto da localidade de Monte Francisco em Castro Marim fez 2 vitimas.

O acidente ocorreu perto das 06:40 da madrugada, tendo as vitimas sido assistidas pelos Bombeiros no local e transportados posteriormente às unidades Hospitalares.

Na resposta a este acidente os Bombeiros de Vila Real envolveram operacionais que foram apoiados por duas ambulâncias de socorro e um veiculo de salvamento e desencarceramento e pela GNR.

A noticia foi coligida na página dos Bombeiros Voluntários de Vila Real de Santo António

FIRESHELTER52



24/03/2017

Agravamento das condições meteorológicas Próximas 72 horas

No seguimento do contato com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), realizado hoje, 24 de março, no Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), e de acordo com a informação meteorológica disponibilizada prevê-se para as próximas 72 horas um agravamento das condições meteorológicas, salientando-se:

• Aguaceiros por vezes fortes (entre 10 e 20 mm em uma hora) que poderão ser de granizo e acompanhados de trovoada, entre o final da tarde de hoje 24/mar e o início da manhã do dia de amanhã 25/mar em especial no litoral das regiões do sul;

• Aguaceiros por vezes fortes (próximos de 20 mm em uma hora) que poderão ser de granizo e acompanhados de trovoada, podendo precipitar sob a forma de neve acima de 800 metros de altitude, entre o fim do dia de sábado 25/mar e o fim do dia de domingo 26/mar em especial das regiões do sul e do interior centro e norte.

Veja o comunicado em:
http://www.cm-tavira.pt/…/Aviso%20a%CC%80%20Populac%CC%A7a%…

PREVISÕES PARA TAVIRA :



FIRESHELTER52

Bombeiros Municipais Combateram Incêndio num Armazém

Os Bombeiros Municipais de Tavira combateram um violento incêndio urbano na serra de Tavira.



O Incêndio deflagrou no interior de um armazém e rapidamente se propagou aos produtos armazenados e outros materiais na passada quarta feira dia 22.

A rápida intervenção de populares e bombeiros locais foi determinante para o sucesso das operações de combate ao incêndio e defesa perimetral.

As operações de combate rescaldo e vigilância demoraram perto de 3 horas tendo terminado o incêndio por volta das 21 horas...

Estiveram envolvidos quase duas dezenas de Bombeiros Municipais apoiados por um Veiculo Urbano de Combate a Incêndios, dois Auto-Tanques, um Veiculo de Apoio e uma Ambulância.

As autoridades prosseguiram investigações.

FIRESHELTER52

Caiu neve na Fóia…e esta noite pode cair mais

O SAFEPLACE52 tinha alertado: hoje havia a possibilidade de queda de neve acima dos 800 a 1000 metros na região Sul, ou seja, poderia cair neve na Serra de Monchique e possivelmente Caldeirão.


E foi o que aconteceu esta tarde, no alto da Fóia.

Com as temperaturas baixas que se prevê durante esta noite e madrugada, bem como com a manutenção da previsão de precipitação, é possível que a neve volte ao alto da Serra de Monchique, o ponto mais alto do Algarve, mas não será para dar muito nas vistas.

Ao longo do dia, como indicam os dados do IPMA, a temperatura mais alta na Fóia foi de 3,7ºC, mas também nunca caiu abaixo dos 0 graus. Durante a noite, esse valor poderá baixar um pouco.

Mas o mais provável é que haja geada na serra, pelo que as estradas de Monchique, em especial as que ligam a vila à Fóia, poderão ter gelo e tornar-se perigosas.

Por isso, na sua página de facebook, o presidente da Câmara de Monchique aconselha «prudência aos mais ousados e os devidos cuidados aos mais entusiastas».

«Com neve, geada ou simplesmente com muito frio, é sempre apetecível uma subida à serra!!!», salienta o autarca Rui André. Mas há que ter muito, muito cuidado.

FIRESHELTER52

Ponte Pedonal Liga Alcoutim a Sanlucar - Espanha

Já há uma ponte a ligar Alcoutim a Sanlúcar…mas é só por uns dias. 

A “construção” desta ponte é um dos eventos principais do Festival do Contrabando que, a partir desta sexta-feira, dia 24, e até domingo, dia 25.


Estes dias são dedicados à junção e fusão da homenagem a uma atividade que ao longo da história foi importante para as gentes da fronteira, com as artes e a cultura.

Ao longo do fim de semana prolongado, haverá um mercado de época, gastronomia local, desfiles etnográficos, teatro de rua, bandas de música de rua, oficinas de artesanato e muita mais animação, tendo como grande atrativo a Ponte Pedonal Transfronteiriça Alcoutim Sanlúcar de Guadiana, disponibilizando a experiência pioneira de caminhar sobre o Rio Guadiana e transpor a fronteira de forma original e única, um sonho antigo das duas vilas.

Entretanto, quem já chegou a Alcoutim, foi a caravela «Boa Esperança», que esta sexta-feira subiu o Rio Guadiana e agora está ancorada frente à vila algarvia, tendo a vila espanhola em frente.

FIRESHELTER52

21/03/2017

Agravamento do estado do tempo: Chuva e muito frio

A partir desta noite está previsto um agravamento das condições meteorológicas (inicialmente na regiões Norte, progredindo para o Sul durante o dia de 4ªFeira) com períodos de chuva e aguaceiros, por vezes fortes, e trovoada/granizo sobretudo na faixa costeira.



Uma massa de ar frio polar irá entrar em território continental a partir do início do dia desta 4ªFeira, estando prevista descida acentuada das temperaturas. 

A NEVE vai marcar presença! 

Espera-se queda de neve acima dos 800-1100m durante a manhã, descendo a cota para os 300-600m a partir da tarde.

Teremos acumulações significativas de neve nas serras do norte e centro acima dos 1000m.

Os termómetros voltarão a descer dos 0 graus em vários pontos do continente, podendo ultrapassar os -5ºC em algumas localidades do Interior Norte e Centro.



Veja a previsão para Tavira e Cachopo:

Tavira:

Cachopo:

FIRESHELTER52

Bombeiros Municipais de Tavira celebram Hoje o 129º Aniversário

Os Bombeiros Municipais de Tavira celebram hoje o seu 129º Aniversário.


A data foi marcada com toda pompa e circunstância pelo Comando e Quadro Ativo na presença de entidades civis, militares e municipais.

Os presentes ouviram os discursos do Comandante dos Bombeiros Municipais de Tavira, do Comandante Distrital de Operações de Socorro de Faro e ainda do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Tavira.

As necessidades imediatas do aumento do efetivo de recursos humanos do corpo de bombeiros, a continuidade do reequipamento e a necessidade da construção de um novo quartel foram alguns dos temas abordados nos discursos ao lado de agradecimentos pelo empenho profissional e o espírito de compromisso perante a comunidade.

A ANPC reconhece o valor da corporação junto das necessidades globais da região que de ano para ano aumentam e tornam-se diferentes e mais exigentes.

Por sua vez, a noticia que mais me agradou ouvir veio por parte do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Tavira que paralelamente ao reconhecimento e agradecimento ao corpo ativo anunciou a futura recondução do Comandante Miguel Silva noutro mandato enquanto comandante deste corpo de Bombeiros.

A cereja no topo do bolo prendeu-se com a boa noticia dada pelo Sr- Presidente da Câmara onde os concorrentes a bombeiros recrutas profissionais que já terminaram as provas de seleção seriam agora brevemente enviados para uma escola de bombeiros profissionais.

A cerimonia juntou ainda Bombeiros Municipais aposentados e de outras gerações, que em confraternização com as entidades trocaram lembranças e recordações para que as mesmas não sejam perdidas no tempo.

Ficam aqui algumas fotos dos momentos











FIRESHELTER52

Cachopo é uma das aldeias candidatas às 7 maravilhas.

Como podem verificar, Cachopo é uma das aldeias candidatas às 7 maravilhas.


É com um enorme orgulho que esta página partilha esta notícia.

De tudo faremos para levar, ainda mais, Cachopo aos quatro cantos do mundo.

Iremos precisar da ajuda de todos para conseguirmos que Cachopo chegue mais longe!

Independentemente do que acontecer, CACHOPO, é para nós, uma das maravilhas do mundo.

Mais informações em 7maravilhas.pt ou no facebook do evento.

Vamos partilhar?

https://www.facebook.com/7maravilhas/photos/a.1431928880172029.1073741838.315978461767082/1431933970171520/?type=3&theater

Sigam a nossa página e fiquem a par das novidades!

FIRESHELTER52

Soldados juram bandeira em Faro

O Juramento de Bandeira de 58 jovens soldados-recruta do Curso de Formação Geral Comum de Praças do Exército, do Regimento de Infantaria nº1, realiza-se este sábado, dia 25 de Março, às 11h30, no Largo da Pontinha, em Faro.


O evento será presidido pelo Major-general Carlos Alberto Grincho Cardoso Perestrelo, Comandante da Brigada de Reação Rápida, e contará com a presença de altas entidades civis e militares da região do Algarve, bem como com os apoios da Câmara de Faro e da Escola de Hotelaria e Turismo.

Este regimento, do qual dependem, ainda, o Destacamento em Tavira e o Gabinete de Atendimento ao Público, em Faro, tem sede em Beja.

Perante o Estandarte Nacional, os recrutas irão jurar defender a pátria, a Constituição e as leis da República.

No decorrer da cerimónia, serão também condecorados militares do Regimento de Infantaria nº 1 e agraciados antigos combatentes da guerra em África, que residem no Algarve, com medalhas comemorativas das campanhas.

A juntar a isto, serão entregues prémios aos soldados-recruta que mais se distinguiram na primeira fase de instrução que agora termina.

No final, a banda do Exército irá tocar algumas obras em honra dos convidados e da população da cidade de Faro.EXÉRCITO // FARO

FIRESHELTER52

Autoridade Marítima treina em conjunto com bombeiros do aeroporto de Faro

Autoridade Marítima Nacional em treino conjunto com bombeiros do aeroporto de Faro



A Autoridade Marítima em Faro e Olhão participou no passado dia 16 de março, a convite da administração do Aeroporto Internacional de Faro, num treino com os operacionais dos bombeiros do aeroporto, com o intuito de se familiarizarem com os equipamentos de resgate de passageiros, em caso de acidente aéreo no meio lagunar.

Nesta primeira fase, o treino incidiu na montagem de passadeiras, balsas, macas e outros equipamentos de salvamento adquiridos pelo aeroporto. 

A segunda fase deste treino conjunto, a realizar em breve, consistirá em colocar em prática os ensinamentos obtidos, com recurso a meios náuticos da Autoridade Marítima Nacional, testando todos estes equipamentos na ria Formosa, em área adjacente ao aeroporto de Faro.

Participaram neste primeiro treino cerca de 20 elementos das Capitanias dos Portos e Comandos-locais da Polícia Marítima de Faro e Olhão, incluindo a Estação Salva-vidas de Olhão. 

Participaram ainda, como observadores, representantes da Proteção Civil e dos Bombeiros Municipais de Faro e de Loulé.

FIRESHELTER52

20/03/2017

Bombeiros Recrutas com Dia de Treino Técnico - Incêndios Urbanos

Os Recrutas dos Bombeiros de Tavira, Olhão e Vila Real de santo António juntaram-se no passado Sábado dia 18 num encontro de treino técnico na vertente de combate a incêndios urbanos e industriais.


O treino decorreu na Unidade Local de Formação de Incêndios Urbanos da região Algarvia que se situa no quartel dos Bombeiros de Vila Real de Santo António e teve a participação de 25 Recrutas dois Formadores de Incêndios Urbanos e Industriais e mais 4 Bombeiros Municipais que auxiliaram o desenvolvimento das ações formativas.

O objetivo principal desta ação foi agilização de procedimentos operacionais e de manobra.

A ação foi conduzida inicialmente num workshop sobre gestão de operações e organização inicial em contexto de incêndios urbanos e de seguida em divisão de grupos foram dinamizadas sessões sobre o estabelecimento de linhas de mangueiras em contexto de trabalho, ventilação tática, e procedimentos de combate.

Equipamentos de trabalho e de proteção individual a sua importância e a forma mais correta de aplicação em contexto de máxima segurança foram temas que nos acompanharam do inicio ao final da ação.

Não forma esquecidos também as manobras de busca e salvamento e salvamentos em edifícios.

No final, os recrutas tiveram a oportunidade de desenvolver vários cenários com fogo real em modo de estratégia ofensiva colocando em prática tudo aquilo que ao longo do dia e da formação nos seus quartéis foi transmitido pelos formadores e instrutores.

O encerramento da ação decorreu com aspetos muito positivos e vontade de novas ações de treino técnico na ULF.

Ficam aqui algumas fotos do dia de trabalho...























FIRESHELTER52